check-up esportivo

A importância do check-up esportivo

Atualmente, somente cerca de 10% da população faz atividades físicas no Brasil de forma adequada. É pouco, se considerarmos que manter o corpo ativo é um dos principais requisitos para viver mais e com melhor qualidade de vida. E, se você resolveu sair do sedentarismo e iniciar um exercício ou já pratica algum esporte, ainda que de forma amadora, deve saber que o check-up esportivo é fundamental.

Neste artigo, trazemos mais informações sobre esses exames tão importantes. Continue a leitura e saiba mais!

O que é o check-up esportivo?

Embora o termo leve muita gente a pensar que essa é uma medida indicada somente para os atletas profissionais, buscar acompanhamento médico e realizar exames periódicos para checar como anda o organismo é essencial para todos.

Esse monitoramento é necessário porque cada indivíduo possui um metabolismo diferente e cada corpo tem suas próprias particularidades. Portanto, embora esteja sempre em tempo de adotar hábitos mais saudáveis, fazer essa mudança de forma segura exige a avaliação de um especialista.

Check-up esportivo previne lesões

No consultório, o médico fará uma ampla e rigorosa análise clínica a fim de detectar possíveis problemas. Ele possivelmente irá solicitar exames laboratoriais para complementar a análise e, assim, liberar — ou não — o paciente para o exercício pretendido.

O especialista poderá ainda dar orientações para que a pessoa receba acompanhamento nutricional e faça as devidas adaptações na dieta para melhorar seu desempenho e potencializar seus resultados. Por outro lado, ele poderá dizer se existe alguma condição que deve ser observada ou agravada com as atividades, e quais alternativas o paciente tem em um caso como esse.

Alem disso, o monitoramento evita o aparecimento de lesões ou situações mais graves que abalem a saúde do atleta, seja ele amador ou profissional.

Aprovação para os exercícios

Se os exames apresentarem os índices esperados e não demonstrarem problemas secundários, o indivíduo está liberado para iniciar a prática. Cabe ressaltar, no entanto, que essa avaliação deve ser feita periodicamente, pelo menos uma vez por ano ou a cada seis meses. Tudo vai depender da intensidade e da frequência dos treinos.

Com o auxílio do médico, a pessoa conseguirá traçar metas e planos adequados ao seu organismo, sem causar danos ou prejudicar o bom funcionamento do corpo. O especialista poderá ainda informar se existem restrições de carga para o indivíduo, entre outras recomendações.

Aliado do bem-estar

Em resumo, exercícios físicos são essenciais para uma vida saudável e equilibrada, mas devem ser feitos com acompanhamento, especialmente nos casos em que o indivíduo treina pesado ou visa participar de torneios e competições.

Ao contrário do que se pode imaginar, não basta apenas colocar um tênis e sair correndo por aí. Agindo assim, é possível ter problemas futuramente e desenvolver dores crônicas, machucados ou outras condições que exijam tratamento.

Procure um especialista da sua confiança, tire suas dúvidas e mantenha o seu check-up esportivo em dia. Afinal, cuidar bem de você mesmo nunca é demais.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cardiologista em Niterói!

Comentários

O que deseja encontrar?

Compartilhe